Concurso de Redação

January 2, 2018

Alunos da Casa do Brasil publicam textos em português em Concurso Literário

 

A Casa do Brasil promove todos meses a participação dos alunos no nosso concurso de redação, em que os melhores textos escritos por eles são sorteados para a publicação no nosso Blog. Em dezembro, a produção dos alunos foi tão criativa que a professora decidiu que todos os alunos teriam seus textos publicados. Veja como tudo aconteceu:

 

    (Foto: Turma de Nível 5 de sábado - Casa do Brasil)

 

Conseguir fluência em um idioma parecido com o nosso pode ser mais difícil do que parece. A dificuldade mais comum é a existência dos inúmeros falsos cognatos (falsos amigos) que existem, via de regra, entre idiomas próximos. São palavras de grafia quase idêntica entre dois idiomas determinados, mas que carregam significados bem diferentes, como é o caso da palavra “vaso” entre o português e o espanhol.

 

Quem conhece essas sutilezas e diferenças de sentido é capaz de, em certa medida, não soar como estrangeiro falando outro idioma e evitar o que os linguistas chamam de “interferência”, um fenômeno muito comum na aprendizagem de idiomas.

 

No entanto, às vezes a gente também se depara com palavras de outros idiomas que têm grafia bem diferente, cujos significados não conhecemos. Bem, o que nós normalmente fazemos nesses casos é imaginar para essas palavras um significado que seja parecido com sua sonoridade, tomando como base casos como as palavras “crocante”, “batucar” e “catraca”.

 

Nem sempre isso dá certo, mas são justamente essas associações que nos permitem brincar com as palavras, tirando-as de seu contexto comum e sugerindo outros usos para elas. Isso motivou a professora Paula Monteiro Mendes, também autora dos livros “Brasil Intercultural” a realizar um concurso literário diferente com seus alunos do nível 5: “a ideia do nosso concurso literário surgiu depois da leitura de um texto muito divertido de Luis Fernando Verissimo em que o autor inventa significados para palavras cujas definições não concorda. O texto se chama “Defenestração” e vale a pena ser lido”, comenta.

 

 

 

A professora escolheu cinco palavras que os alunos ainda não conheciam (marimbondo, farpa, traíra, marretar e estilingue) e eles tinham que escrever um texto, de qualquer gênero, inventando significados para elas.

 

 

 

 

 

 

 

 

O resultado são estes textos criativos, poéticos e divertidos que você pode conferir abaixo:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gostou? Bom, então é hora de pegar a caneta e marretar o papel para o próximo Concurso de Redação da Casa do Brasil. Isso pode ser o seu estilingue para a fama. Mas cuidado, a fama pode trazer traíras que ficam ao seu redor como marimbondos em volta da colmeia, mais irritantes que uma farpa no dedão do pé!

 

Significados reais:

 

Estilingue: Gomera, tirachinas.

Farpa: Astilla.

Marimbondo: Avispa.

Marretar: Golpear con un mazo o un martillo.

Traíra: Traidor

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Entradas destacadas

Casa do Brasil é o melhor lugar para aprender português na Argentina

January 18, 2018

1/4
Please reload

Entradas recientes
Please reload

Archivo
Please reload

Tel: 011-4371-7063

Dirección: Av. Callao 433 8 P, CABA

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon

15-2490-7691